sexta-feira, 3 de setembro de 2010

Sleepbox

Utilizado de forma pioneira no aeroporto de Charles de Gaulle, em Paris, a caixa para dormir possui o tamanho de 2 metros de altura, por 1,40 metro de largura e 2,30 metros de comprimento. O espaço possui cama, sistema automático de troca de lençóis, tomadas, ar condicionado, televisão de LCD, espaço para as malas, persianas nos vidros, cabides, plataforma para um computador portátil e rede WiFi.




A empresa russa de arquitetura e design Arch Group desenvolveu um conceito de quarto temporário chamado Sleep Box, que busca facilitar a vida de pessoas que viajam muito, principalmente de avião, e queiram um tempo para descansar sem gastar muito entre uma escala e outra.


A empresa ainda pretende expandir o conceito para outros aeroportos do mundo, além de estações de trem, locais públicos e lugares onde tenha grande aglomeração de pessoas. O Sleep Box pode ser alugado desde 15 minutos até um grande período e o pagamento é feito em terminais onde o cliente pega a chave eletrônica
que libera a estada na caixa.

Pergunta-se, será que funcionaria por aqui?
.

5 comentários:

Chica disse...

A idéia é maravilhosa ,porém, tenho certeza que aqui viraria outra coisa...abração,chica

Sandra disse...

Ficou muito linda sua postagem.
Estou na coletiva..
As músicas nos falam de amor..Poesias. São verdades cantadas em formas de canção.
Também estou participando com a interação de amigos.
http://sandrarandrade7.blogspot.com/
Convido vc para conferi também.
Carinhosamente,
Sandra...

Jota Effe Esse disse...

É, aqui eu acho que os caras usariam pra afogar o ganso rapidinho e pronto, ninguém sabe, ninguém viu. Meu abraço.

Irene Moreira disse...

Diler
É uma idéia martavilhosa, principalmete qunado se perde o vôo. Agora aqui realmente acho que não daria certo,pois se vc pode usar por num mínimo 15 minutos imagino o que um brasileiro não faria... Poderia até ser útil para muitos, mas o controle teria que ser maior e permitir somente uma pessoa.

Ainda chegaremos a uma cultura de País d primeiro mundo.

Beijos

Mimirabolante disse...

Achei curiosa e interessante.....porém,será que existe algum impacto ambiental negativo?Atualmente,percebo que as invenções,construções e novidades aparecem sem que ninguém se preocupe com o Meio Ambiente......Não é o seu caso,vc só está postando um informação nova......bjcas.....