terça-feira, 30 de junho de 2009

Charge do ARTeiro





Sem legenda


Imagem: ARTeiro

segunda-feira, 29 de junho de 2009

Piada de segunda(parte 12)









Rir, ainda é o melhor remédio...


Chorando na praça.




Uma velhinha de uns 70 anos, estava sentada no banco da praça, chorando copiosamente.
Um sujeito que passava pelo local, se comoveu com a cena e perguntou:
- Senhora, qual o motivo de tanto choro?
- Tenho um namorado de 22 anos, em casa !
Ela respondeu aos prantos...
- Ele faz amor comigo todas as manhãs, depois me traz café na cama com cereais, ovos mexidos, frutas...
- Mas por que a senhora está chorando ?
- Ele também faz a minha sopa preferida, os meus bolinhos prediletos e
faz amor comigo a tarde toda.
- Mas... Por que o choro, minha senhora ?
- No jantar ele me faz uma comida deliciosa, com um vinho excelente e uma torta deliciosa de sobremesa e depois, faz amor comigo até de madrugada !
- Então me diga - gritou o sujeito, aflito - Por que cargas d'água a senhora está chorando ?
Então a velhinha olhou para ele e disse:
- É que eu não consigo lembrar onde moro.






Créditos:

Texto de autor deschecido
Imagem do Google


sábado, 27 de junho de 2009

Noticias (3)

A Má noticia vem com a morte do ídolo de milhões de pessoas ao redor do globo.





Lamentamos a partida prematura, do astro...











Black or White? Leia aqui.
Michael e eu. Lei aqui




























A Boa noticia.
Encontramos dois dos autores desconhecidos.

Christian deixou um novo comentário sobre a sua postagem LEI AQUI: "Procura-se um autor(parte 5)":

Autor: ANTONIO CARLOS VIERA





Christian deixou um novo comentário sobre a sua postagem LEI AQUI: "Procura-se um autor (parte8)":

Redação do Momento Espírita com base no cap. Entrega posterior,
de Cathy Miller, do livro Histórias para o coração, de Alice Gray
(organizadora), ed. United Press.
Em 02/12/2008.

sexta-feira, 26 de junho de 2009

40 anos da primeira edição de "O Pasquim"

Leia aqui a historia do jornal semanal.

Numa entrevista para o Pasquim, Leila Diniz, fez a seguinte afirmação: "Eu nunca comi mulher nenhuma porque elas não tem pau. E pra mim pau é um negócio essencial. Eu gosto muito da coisa entrando em mim".
Após a publicação foi criada a lei da censura previa no Brasil.

quinta-feira, 25 de junho de 2009

Procura-se um autor(parte9)



Salve este texto do anonimato...




Lei do Caminhão de Lixo

Um dia peguei um táxi e fomos direto para o aeroporto.
Estávamos rodando na faixa certa quando de repente um carro saltou a nossa frente.
O motorista do táxi pisou no freio, deslizou e escapou do outro carro por um triz!
O motorista do outro carro sacudiu a cabeça e começou a gritar para nós.
O motorista do táxi apenas sorriu e acenou para o cara. E eu quero dizer que ele o fez bastante amigavelmente.
Assim eu perguntei: 'Porque você fez isto? Este cara quase arruína o seu carro e nos manda para o hospital!'
Foi quando o motorista do táxi me ensinou o que eu agora chamo "A Lei do Caminhão de Lixo".
Ele explicou que muitas pessoas são como caminhões de lixo. Andam por aí carregadas de lixo, cheias de frustrações, cheias de raiva e de desapontamento. À medida que suas pilhas de lixo crescem, elas precisam de um lugar para descarregar, e às vezes descarregam sobre a gente. Não tome esse lixo para você! Apenas sorria, acene, deseje-lhes bem, e vá em frente. Se o pegar, você também estará sujeito a espalhar este lixo sobre outras pessoas no trabalho, em casa, ou nas ruas.
Pessoas bem sucedidas não deixam os seus caminhões de lixo estragar o seu dia. A vida é muito curta para levantar cedo de manhã com remorso... Por isso, ame as pessoas que lhe tratam bem. Ore também pelas que não o fazem.
A vida é dez por cento o que você faz dela e noventa por cento a maneira como você a recebe!
Tenha um dia abençoado, livre de lixo!

segunda-feira, 22 de junho de 2009

Dia Mundial do Fusca

Dia mundial do fusca!

A paixão tricolor!



Parabéns fusca, já tive quatro! Agora futebol, só o Imortal Tricolor!

Piada de Segunda (parte11)

Rir, ainda é o melhor remedio...

Familia Italiana

O Nono foi hospitalizado e os filhos, netos e bisnetos vieram de
todos os cantos do mundo.

Os médicos deixaram que os parentes levassem-no para a sua casa, para
cumprir seu último desejo: O de morrer em casa, ao lado de seus
queridos.

Foi para o quarto e as visitas foram se revezando para tentar consolar
e dar conforto ao Nonno em seu derradeiro momento.

De repente o Nonno sentiu um aroma maravilhoso que vinha da cozinha

Era a Nona tirando do forno uma fornada de cuca.

Os olhos do Nonno brilharam e ele se reanimou.

Então, o Nonno pediu ao bisneto que estava ao lado da cama dele:
'Piccolo mio, vai na cojina e pede um pedaxo de cuca pra Nonna.'

O guri foi e voltou muito rápido.

'E a cuca?' - perguntou o Nonno.

'A Nonna disse que no !'

'Ma per que no, porca miséria, ma que vecchia desgraciata! Que qüesta
putana falô?'

'A Nonna disse... que as cuca ... é pro velório.'
Créditos:
Imagem do Google
Autor: sconosciuto è chiaro

domingo, 21 de junho de 2009

Notícias (2)




Luiz Inácio Lula da Silva premiado pela Unesco, não é um Boa notícia?
A Má noticia, segundo Saramago nós, os blogueros, estamos escrevendo pior!



Blogs fazem pessoas escreverem pior, diz José Saramago.Leia aqui.



Por Bruno Brasil
Do El Pais


Lula, nombrado premio de la Paz de la Unesco.Leia aqui

sexta-feira, 19 de junho de 2009

quinta-feira, 18 de junho de 2009

Brasiliana Digital

Brasiliana Digital e um projeto onde você pode acessar uma extraordinária coleção de livros, folhetos, periódicos, manuscritos, mapas e imagens sobre a história e a cultura do Brasil, reunida pela USP. Tendo como ponto de partida a Biblioteca Mindlin, doada em 2006 (1700 livros), pretendemos ampliar a oferta com outros acervos da USP e de outras instituições parceiras.
http://www.brasiliana.usp.br/bbd

A maioria dos livros disponíveis no momento são de valor histórico. Comecei por curiosidade e ler este Opúsculo escrito por Jose Bonifacio, sobre a imancipacao dos escravos no Brasil. Fiquei tão impressionado com a paixão e o patriotismo dele ao escrever sobre o Brasil que me fez realizar que um dia este pais teve políticos dignos e virtuosos.
http://www.brasiliana.usp.br/bbd/bitstream/handle/1918/01688100/016881_COMPLETO_100.pdf?sequence=5

segunda-feira, 15 de junho de 2009

Piada de seguda (parte 10)


Rir, ainda é o melhor remédio...



A LUVA E A CALCINHA

Um jovem estudante, ao passar em uma loja, resolveu comprar um belo par de luvas e enviar para sua namorada, ainda virgem, de família tradicional, a quem muito respeitava.

Na pressa de embrulhar, a atendente da loja cometeu um 'pequeno' engano, trocando as luvas por uma CALCINHA!
O jovem, não notando a troca, enviou o presente via SEDEX junto com a seguinte carta:

São Paulo, 2 de Junho de 2009.
Querida:
Sabendo que no próximo dia 12, é comemorado o Dia dos Namorados, resolvi te mandar este presentinho. Embora eu saiba que você não costuma usar (pelo menos eu nunca te vi usando uma), acho que vai gostar da cor e do modelo, pois a moça da loja experimentou e, pelo que vi, ficou belíssima, simplesmente linda.
Apesar de um pouco larga na frente, penso que seja melhor assim do que muito apertada, pois a mão entra com mais facilidade e os dedos podem se movimentar a vontade. Depois de usá-la, é bom virar do avesso e colocar um pouco de talco para evitar aquele odor diferente, normal, mas que alguns notam.
Espero que goste, pois vai cobrir aquilo que breve irei pedir ao teu pai, além de proteger o local em que colocarei aquilo que você tanto sonha, comigo.
Teu eterno amor.

sexta-feira, 12 de junho de 2009

Notícias(1)



O poder de barganha dos grandes conglomerados a serviço da proteção do Planeta, não é uma ótima notícia?
A má notícia , muitos empregos perdidos...



Pão de Açúcar, Carrefour e Wal-Mart suspenderam a compra de carnes de 11 frigoríficos apontados pelo MPF (Ministério Público Federal) do Pará como comercializadores de gado criado em área de devastação da Amazônia.
Ler mais?

Aqui






A crise mundial fez com que 1 milhão de pessoas perdessem seus empregos na América Latina no primeiro trimestre deste ano, apontaram ontem a Cepal (Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe) e a OIT (Organização Internacional do Trabalho).
Ler mais?


Aqui

quinta-feira, 11 de junho de 2009

Procura-se um autor (parte8)



Salve este texto do anonimato...

Um grande amor

Stella estava sentada na sala. Era inverno. Mas o maior frio que ela sentia vinha de dentro. Da alma.
Jamais ela sentira tanto medo da tempestade, dos ventos gelados e da chuva. É que agora estava sozinha.
Seu querido David havia morrido há 3 meses. Ela jamais poderia imaginar que sentiria tanto a sua falta.
Desde que o diagnóstico de câncer terminal chegara, ela se preparara para a morte dele.
Ele também. Homem organizado, deixara toda a papelada em ordem.
Dinheiro não lhe faltaria para as necessidades. Ele pensara em tudo.
Mas a ausência dele era terrível. Ao terceiro toque da campainha, ela se levantou para atender a porta.
Antes, olhou pela janela, um pouco desconfiada. Afinal, havia tantos assaltos.
Era um rapaz com uma caixa grande. Viu o carro de entregas estacionado em frente ao portão.
Abriu a porta e o ar gélido entrou, tomando conta da sala inteira.
É a senhora Araújo? –perguntou o funcionário.
Ao sinal afirmativo de Stella, ele pediu licença para entrar e colocou a caixa no meio da sala.
Antes que pudesse indagar qualquer coisa, o entregador, jovial, foi explicando:
A senhora nos desculpe. Era para entregar somente na véspera do Natal. Porém, hoje é o último dia de expediente no canil. Espero que a senhora não se importe.
Entregou-lhe um envelope, abriu a encomenda e retirou o presente: um filhote de cão Labrador.
A carta explica tudo, continuou o rapaz. O cão foi comprado em Julho, quando a mãe dele estava prenhe.
Ele tem seis semanas de idade e é um cão doméstico.
A senhora espere um pouco que vou buscar o restante da encomenda.
Largou o cãozinho e ele foi se sentar aos pés de Stella, fungando feliz e olhando para ela.
O restante da encomenda era uma caixa enorme de alimentos para cães, uma correia e um livro Como cuidar de seu cão Labrador.
Stella continuava parada, estática. Acabara de reconhecer no envelope a letra de David.
Quando o entregador se foi, ela andou de volta até a sua poltrona. Tremia inteira.
O cãozinho ficou ali, olhando-a ainda com seus olhos castanhos, à espera de um afago.
A carta não era longa mas repassada de carinho.
David a escrevera antes de morrer e a deixara com o proprietário do canil. Era seu último presente de Natal.
Ele havia comprado o animal para lhe fazer companhia. A carta era cheia de amor e lhe dava ainda conselhos e incentivo para que fosse forte, até o dia em que voltariam a ficar juntos.
Ela olhou para o cãozinho e estendeu a mão para o apanhar. Segurou-o nos braços. Pensou que fosse pesado, mas tinha o peso e tamanho da almofada do sofá.
O animalzinho de pelos castanhos lhe lambeu o queixo e se aninhou em seu pescoço.
Ela chorou de saudade. Ele ficou ali, quietinho.
Então, criaturinha, aqui estamos você e eu.
O cachorrinho fungou, concordando, pondo sua língua rosada para fora.
Stella sorriu.
Então, vamos para a cozinha fazer uma sopa? Vou lhe dar ração e depois leremos um bom livro, juntos. Que acha?
O cãozinho latiu e abanou a cauda, como se tivesse entendido exatamente o sentido de cada uma das palavras.
E acompanhou Stella até a cozinha.

* * *

Na sua imensa sabedoria, Deus criou os animais para auxiliar o homem em suas tarefas, tanto quanto para lhe prover algumas necessidades.
Também para servir de amparo aos que andam sós, aos famintos de afeto.
Tornam-se muitas dessas criaturas, em sua missão de servirem ao homem, excelentes zeladores de vidas humanas.
Ao homem cabe amparar-lhes as vidas e retribuir-lhes com cuidados a atenção e devotamento. São também eles a manifestação do amor de Deus na Terra

terça-feira, 9 de junho de 2009

CPI

Algumas CPIs que gostaria de ver por ai... antes da CPI da Petrobras...

segunda-feira, 8 de junho de 2009

Piada de segunda (parte 9)



Rir, ainda é o melhor remédio...
A comissão.




Um menino de 5 anos queria ganhar 100 reais e rezou durante 2 semanas para Deus.
Como nada acontecia, ele resolveu mandar uma carta para o Todo-Poderoso com seu pedido.
O correio recebeu uma carta endereçada para 'Deus-BRASIL'
Resolveram mandá-la para o Lula.
Lula ficou muito comovido com o pedido e resolveu mandar uma nota de 10 reais para o menino, pois achou que 100 reais era muito dinheiro para uma 'criança pequena.
O garotinho recebeu os 10 reais e imediatamente notou o endereço do remetente: 'Brasília-DF'.
Pegou papel e caneta e sentou-se para escrever uma carta de agradecimento:
- Prezado Deus: Muito obrigado por me mandar o dinheiro que pedi, contudo, eu pediria que, na próxima vez, o Senhor mandasse direto pro meu endereço, porque quando passa por BRASÍLIA, aqueles fdp ficam com 90% !!!
Créditos: Texto de autro desconhecido(é claro)
Imagem do Google


sexta-feira, 5 de junho de 2009

Nostalgia?







Outro dia estive numa agência do Banco onde trabalhei por 35 anos e 27 dias. Fiquei observando, como resta pouca gente conhecida…Alguns foram transferidos, os que tinham tempo, como eu, aposentaram-se, já outros, infelizmente, partiram…Dá uma certa nostalgia…Abracei os antigos colegas e voltei para a Chácara! Nostalgia, eu? Ora…
Inquieto, não aceitei o título de aposentado; passei de bancário à aprendiz de agricultor e pecuarista e postulante à escritor nas horas vagas(a madrugada com chimarrão), assim, sem olhar para trás, nós, eu e Verinha, vamos comandando o Show da Chácara! Sim, isso aqui é um verdadeiro espetáculo, temos um pomar de goiabas com duzentas árvores, esse ano plantamos 1000 mudas de morangos e 1 quilo de sementes de ervilhas e ainda cultivamos uma horta para consumo próprio. Animais, temos bois, ovelhas, coelhos, patos, galinhas , cães e gatos. Não é uma Show?
Assim, não temos saudades, temos, isso sim, uma nova vida cheia de sonhos, desafios, surpresas, problemas, soluções, alegria, tristezas, como a vida deve ser, ocupada!

quarta-feira, 3 de junho de 2009

Procura-se um Autor(parte 7)



Salve este texto do anonimato...




Advertência
Existem jóias raras na literatura mundial, por vezes até de autor considerado anônimo. Há alguns dias, em uma obra, colhemos a seguinte advertência, exatamente nesses moldes de que falamos:

Um dia chegará em que, num determinado momento, um médico comprovará que meu cérebro deixou de funcionar e que, definitivamente, minha vida neste mundo chegou ao seu fim.
Quando tal coisa acontecer, não digas que me encontro em meu leito de morte.
Estarei em meu leito de vida e cuida para que esse corpo seja doado para contribuir de forma que outros seres humanos tenham uma vida melhor.
Dá meus olhos ao desgraçado que jamais tenha contemplado o amanhecer, que não tenha visto o rosto de uma criança ou, nos olhos de uma mulher, a luz do amor.
Dá meu coração a alguma pessoa cujo coração só lhe tenha valido intermináveis dias de sofrimento.
Meu sangue, dá-o ao adolescente resgatado de seu automóvel em ruínas, a fim de que possa viver até poder ver seus netos brincando ao seu lado.
Dá meus rins ao enfermo, que deve recorrer a uma máquina para viver de uma semana à outra.
Para que um garoto paralítico possa andar, toma toda a totalidade de meus ossos, todos os meus músculos, as fibras e os nervos todos de meu corpo.
Mexe em todos os recantos de meu cérebro. Se for necessário, toma minhas células e fazê com que se desenvolvam, de modo que, algum dia, um garoto sem fala consiga gritar com entusiasmo ao assistir a um gol, e uma garotinha surda possa ouvir o repicar da chuva contra o vidro da janela.
O que sobrar do meu corpo, entrega-o ao fogo e lança as cinzas, ao vento, para contribuir com o crescimento das flores.
Se algo tiveres que enterrar, que sejam os meus erros, minhas fraquezas e todas as minhas agressões contra o meu próximo.
Se acaso quiseres recordar-me, fazê-o com uma boa obra e dizendo alguma palavra bondosa ao que tenha necessidade de ti.
* * *
As palavras de advertência desse anônimo nos convidam a meditar no tesouro que possuímos, que é nosso corpo físico.
Tantos esquecemos de render graças a Deus por essa maquinaria maravilhosa, tanto quanto nos olvidamos de lhe providenciar, após a morte física, o devido destino.
Tantas são as campanhas em prol da doação de córneas, de rins e vamos protelando sempre para mais tarde a decisão de prescrever nossa doação.
Sem nos esquecermos de que, enquanto ainda dispondo do corpo de carne, podemos nos tornar regulares doadores do valioso líquido, que representa a vida e se chama sangue.
Meditemos se não estamos sendo demasiado egoístas em não disponibilizar esse tesouro para que outros vivam e vivam de forma abundante.
* * *
A retirada das córneas, após a morte, de forma alguma deforma ou mutila o cadáver. Essa é a preocupação de alguns possíveis doadores, que não desejam agredir a família.
Os rins podem ser retirados do cadáver até seis horas após ter ocorrido a morte.

terça-feira, 2 de junho de 2009

Comico ou tragico

Mazzzzzaaaaaa...Tricolor!





Em enquete publicada no site oficial da Fifa, que pergunta qual o clube brasileiro tem mais chance de conquistar a Taça Libertadores da América 2009, o Grêmio lidera com 30,22% dos votos. São Paulo, com 25,08%, Palmeiras, com 24,89% e Cruzeiro com 19,81% dos votos completam a lista.
window.google_render_ad();

segunda-feira, 1 de junho de 2009

Piada de segunda (parte 8)



Rir, ainda é o melhor remedio

Novo tratamento anti-rugas


A mulher procura um dermatologista, porque está preocupada com as rugas, e ouve o médico dizer:
- Eu tenho um tratamento revolucionário pra acabar com suas rugas. Coloco um parafuso no topo da sua cabeça, escondido no couro cabeludo. Aí, toda vez que você vir rugas aparecendo, basta dar um pequeno giro no parafuso que sua pele é puxada pra cima e as rugas desaparecem. Quer experimentar êsse tratamento?
- Claro, doutor! Isso é o máximo!
Seis meses depois, a mulher volta para uma consulta:
- Doutor, essa técnica do parafuso é ótima, mas apareceram essas bolsas horríveis embaixo dos meus olhos. O senhor devia ter me avisado desse efeito colateral!
Diz então o médico: - Dona, essas bolsas embaixo dos olhos são seus seios. E se a senhora não deixar esse parafuso quieto, em 15 dias vai ter barba!
Créditos: Foto do Google
Texto de autor desconhecido