sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Indriso do Velho Carinho



Pauta do Post:
Projeto Palavras Mil
Imagem Weheartit




Vendado por mãos pequeninas,
escutava a voz rouca; dissimulada:
- Quem é? Adivinha! Quem é?...

Acostumado ao velho carinho,
respondia, fingindo dúvida:
- Não posso saber... Quem será?



Hoje não há carinho, só lembranças.



Abre os olhos às saudades, à dor...




O indriso é um poema que consta de dois tercetos e duas estrofes de verso único (3-3-1-1). Tolera qualquer tipo de medida no cômputo silábico, o que faz dele uma forma ao mesmo tempo fixa e dinâmica: no eixo vertical, a disposição não variável da estrofe; no eixo horizontal, as variações na quantidade. Ademais, admite todos os graus e géneros de rima.

6 comentários:

Ester disse...

Amigo Dilermano!

Que maravilhoso Indriso! gostei muito...

E gostei também no novo layout, uma extensão do

céu do meu blog, lindo!

Tem selo para vc em meu blog, espero que gostes!

Bjs!

Chica disse...

Lindíssimo,Dilermano!Perfeita tua participação! abração,tudo de bom,chica

Irene Moreira disse...

Diler
Como sempre nos surpeende e nos ensina a brincar com as palavras.
Um show o seu Indriso.
Sua participação é perfeita.

Beijos e bom final de semana

Sandra disse...

Não consegui ver o texto.
Sandra

Sandra disse...

Minha viagem está na postagem do dia 09.09. http://sandrarandrade7.blogspot.com
sandra

Irene Moreira disse...

Diler

Como não retornar aqui e te parabenizar pelo pódio máximo mais uma vez.

Beijos e boa semana